Será mesmo que arte e história se encontram? Hoje, convido você para um passeio pela nossa evolução, para buscarmos, juntos essa resposta

Será que arte e história se encontram em algum ponto? A história da arte é muito vasta e complexa. Existem muitos detalhes e entroncamentos nessa jornada.

Afinal de contas, a arte acompanha toda a história do desenvolvimento humano.

A história da arte compreende, de acordo com alguns estudiosos, o período desde a pré-história até nossos dias.

Minha missão aqui é embarcar com você em uma jornada de descoberta e, juntos, entendermos como uma influenciou a outra com o passar dos anos (e são muito anos).

Só que, antes de começarmos, vamos falar um pouquinho sobre o que é arte, tudo bem?

Segundo a Wikipedia, arte pode ser entendida como a atividade humana ligada às manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada por meio de uma grande variedade de linguagens, como por exemplo, arquitetura, desenho, escultura, pintura, escrita, música, dança, teatro e cinema, em suas variadas combinações.

Vale dizer ainda que, o processo criativo se dá a partir de percepções com o intuito de expressar emoções e ideias, tendo como objetivo um significado único e diferente em cada obra.

A arte é uma poderosa ferramenta para entendimento dos povos, culturas e organizações.

Meu intuito aqui é ajudar você a entender, de forma didática, simples e fácil a evolução da arte durante a história.

Dessa forma, você vai perceber que, arte e história se encontram, se conectam, e influenciam nossa vida.

Então, segure-se na cadeira! Porque vamos fazer um rápido passeio pela história.

Arte na pré-história

Por pré-histórico podemos compreender o período antes da invenção da escrita.

Esse período foi bem longo, indo de 500 mil a.C. (Paleolítico) a 10 mil a.C. (Neolítico), sendo que as primeiras expressões artísticas foram descobertas no período Paleolítico Superior – que aconteceu em 30 mil a.C.

Quando saímos da arte pré-histórica, entramos na antiguidade, que é rica em arte.

A antiguidade

A antiguidade começou a partir da invenção da escrita. Invenção é uma palavra forte. Do desenvolvimento da escrita.

Essa é a época da simbologia. É aqui que surgiram, por exemplo, as famosas artes grega, romana, egípcia, mesopotâmica, dentre outras.

Arte Renascentista

Renascimento é o período pós Idade Média. A arte renascentista despontou na Itália, no século XV em uma época de grande variedade cultural, artística e intelectual.

As obras produzidas nesse período ressaltavam o ser humano, diferente do pensamento medieval, onde Deus estava acima de tudo.

Arte Pré-Colombiana

A arte pré-colombiana é a produção artística e cultural dos primeiros povos da América espanhola, antes da chegada de Cristóvão Colombo no continente, em 1942.

Nela, temos as manifestações artísticas dos povos ameríndios com funções religiosas ou decorativas, além de expressões arquitetônicas.

Com o estudo dessa forma de arte, é possível classificar e distinguir os povos que viveram na América Latina e entender melhor suas culturas.

Arte Moderna

Também conhecida como modernismo, a arte moderna compreende as manifestações artísticas que surgiram na Europa no final do século XIX e estenderam-se até o meio do século XX, ao final da segunda guerra.

Esses movimentos são manifestações inovadoras da arte e foram responsáveis por uma grande transformação na maneira de se expressar e compreender as obras artísticas, como por exemplo, o surrealismo, futurismo, expressionismo, dadaísmo, cubismo, dentre outros.

Arte Contemporânea

As produções artísticas produzidas a partir da Segunda Guerra são designadas contemporâneas e hoje é essa denominação que perdura para as produções atuais, também chamadas de pós-modernas.

Na arte contemporânea, o conceito por trás das obras adquiriu um significado maior e o contexto social afeta diretamente a expressão dos artistas.

A arte contemporânea engloba diversos campos, como a dança, moda, música, teatro, escultura, performances, fotografia, pintura, objetos e expressões híbridas.

A arte no Brasil

No Brasil, a produção artística acontece desde antes da chegada dos portugueses.

Foram encontradas pinturas rupestres de até 15 mil anos no Piauí, Serra da Capivara e outros sítios arqueológicos.

As manifestações são diversas e acompanham os momentos históricos e culturais do país. Aqui estão algumas delas:

Arte indígena;

Barroco;

Neoclassicismo;

Romantismo, realismo, naturalismo e simbolismo;

Modernismo (com destaque para a Semana de 22);

Arte contemporânea brasileira.

Arte e história andam lado-a-lado

À primeira vista, pode parecer que não, mas a arte conta um pouco da nossa história.

Isso porque a arte avança conforme a humanidade evolui. As formas de arte, suas expressões, heranças culturais e influências marcam e documentam a humanidade que já fomos e nossa caminhada rumo à evolução.

A arte, enquanto fenômeno da cultura humana, é influenciada pelas condições sociais e econômicas nas quais surge.

Dito isso, é preciso afirmar que é impossível compreender plenamente um movimento artístico sem compreender também a história.

Do mesmo modo, os movimentos históricos, em especial os políticos, são influenciados pelas ideias e símbolos produzidos pela época.

Mesmo produzindo coisas diferentes, arte e história são sempre, melhor compreendidas, se estudadas em conjunto.

Agora, você já sabe que arte e história se encontram e se complementam

Hoje eu fiz um breve passeio pela história através da arte.

Mostrei para você que a arte não apenas evolui com a história, como também é influenciada por ela.

Por último, tanto a arte, quanto a história, são registros de quem já fomos, e documentam como evoluímos ao longo dos tempos.

Espero, sinceramente, que você tenha gostado desse passeio que demos pela história da humanidade e pela cronologia da arte.

A ideia desse artigo foi simplesmente começar a introduzi-lo nesse mundo, para que possamos, a partir de agora, trazer mais conteúdo e conhecimento para que você comece a aprofundar seus conhecimentos sobre a arte.

Dito isso, deixo aqui o meu convite. Venha me acompanhar nessa jornada.

Estarei por aqui, compartilhando com você um pouco sobre a arte, numa linguagem direta, simples e acessível.

Tenho certeza que a arte vai entrar na sua vida e torná-la ainda melhor, como fez comigo.

VOLTAR
×